Ouro Preto – MG

No século XVIII a descoberta de ouro faz a opulência de Ouro Preto. No século XIX começa o declínio mas a cidade conserva suas características dos tempos áureos, seus casarões em estilo característico, as ruas e vielas estreitas, as belíssimas igrejas ornadas em ouro, as festas populares e a arte barroca tão bem expressa e preservada fizeram com que, em 1938, Ouro Preto fosse decretada como “Monumento Nacional” e depois, em 1980, tombada como “Patrimônio Cultural da Humanidade” pela Unesco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *